Monday, 8 December 2008

e se eu pudesse mudar o mundo? fazer tudo de maneira diferente, construir cada bocadinho duma maneira minha, única... e se tudo fosse indestrutivel? e se cada um de nós pudesse viver no seu sonho? e ser feliz a sua maneira? e se o mundo fosse diferente? se milhões de pessoas não morressem de fome diariamente? e se não existissem doenças? e se todos pudéssemos acordar de manhã, abrir a janela do quarto, olhar lá pra fora, sorrir e ver que afinal vale a pena viver, que afinal o sol voltou a raiar, que hoje seria só mais um dia em que podíamos ser felizes como tantos outros que estariam por vir? e se eu talvez deixasse de sonhar com o impossível e deitasse mãos à realidade e fizesse algo para a mudar? mas e se essa realidade não puder ser alterada? e se estivermos presos nessa monotonia diária? e se eu deixar de escrever porcaria e limitar-me a minha insignificancia? era uma coisa boa que fazia não acham?

x.x

deixei que voltasses, mas isso não significa que te tenha perdoado. lembra-te do que te disse... rancor e vingança são nomes muito próximos do meu. cuidado.

2 comments:

MADRUGADA... said...

Levanta-te, lava as mãos... há um amor que te espera.

Cumprimentos.

Kabral said...

Talvez o mundo não passe de um buraco putrefato imundo repleto de dor, ódio, tristeza e morte; talvez devêssemos colocar nossos "óculos cor-de-rosa" e fingir que somos felizes; talvez devêssemos apenas nos arrastar e fingir que estamos vivos. Ou talvez não ligar pra merda nenhuma e simplesmente pegar um livro pra ler ou um filme pra assistir, colocar o fone dno ouvido, escolher a música mais depressiva que tiver e fingir que se importa com o resto do universo.