Thursday, 23 July 2009

Sofre-se quando se ama, se tem coração, se sente vivo... Mas é tão triste viver sem sonhos, esperança, amor... Sem sentir a vida a passar... Sem dar-se conta de nada... Simplesmente ver a vida a passar-me ao lado... Sinto-me cada vez mais sozinha... É incrível... Não caí uma lágrima, não tenho reacção... Não tenho vontade de nada... Só tenho um vazio que me consome, destrói-me aos poucos, que vai matar-me no silêncio do que resta do meu coração...


AHHH estou a desesperar...

Wednesday, 22 July 2009

Sinto o teu sorriso, ele alegra-me, fascina-me
Teu coração é puro, e o teu olhar, lindo
Conquistas-me, admiro as tuas palavras
Quando oiço a tua voz, fico em delírio

Jeito meigo, jeito único
assim me conquistas,
As vezes paro, e admiro
as tuas qualidades sempre tão lindas.

Será que um dia nos iremos encontrar?
A distância impede a nossa união
realização de atitudes,
das promessas ainda não cumpridas,

Quem sabe um dia nos veremos?
Sem ser nos meus sonhos?
Sem ser nos pensamentos?
Sem ser na minha alma inconstante?

Esperanças nunca acabam, distância não interessa
meu coração bate, por um sentimento sincero
Minha certeza é que eu amo, esse doce rapaz
que cativa os meus sonhos, com seu lindo sorriso.

By: Fábio Gois


Sempre gostei do poema... Faz-me sentir algo que não consigo explicar... Fui desencantá-lo as profundezas dos arquivos do blogue lol enfim... Mais um dia passou... Só mais um na espera de algo que nunca vai chegar...
Ansiosa pelo tal dia...

Monday, 20 July 2009

Parar e pensar duas vezes... O que ando a fazer? Rigorosamente nada... Sinto-me de pés e mãos atados... Como se me privassem do ar, da essência de viver. Mas afinal, o que é isso? É amar? Se o for, sou uma ignorante. Não sei que fazer, que pensar, que sentir. Sei que estou fechada para o mundo, para a vida. Pensas que devo acordar para a vida? Deixar de ser como sou? E passar a acreditar em algo que ficou perdido no tempo? Peço desculpa. Sou assim. E infelizmente, não consigo mudar. Não consigo deixar de ser quem sou, a mulher em que me tornei. Ou deverei dizer a criatura? Sinto um vazio que não será preenchido em mim, nem hoje, nem nunca. Esperança? Desvaneceu-se. Um dia talvez volte, mas é melhor nem pensar nisso ou talvez também deixe de acreditar nessa hipótese...

Sunday, 19 July 2009

Junta-te a mim todas os domingos, das 16h as 18h em http://xdradiorock.blogspot.com/ e ouve o melhor do metal gótico na tua rádio online! WE MOSH YOU - Nemesis Radio !!

Thursday, 16 July 2009

Simplesmente deixei de acreditar...

Sunday, 12 July 2009

18 anos já cá cantam...