Saturday, 16 February 2008

ftw



O que somos nós? Talvez uma realidade esteriotipada numa verdade impigida por muitos e irreal para outros tantos.. Talvez existemos num tempo que não o nosso... Talvez sejemos feitos para sofrer... Ou apenas para aguentar o que chamamos de sociedade actual... Uma realidade presente no dia-a-dia de tantos e esquecida pela maioria de outros mais... Preconceito, injustiças, simples rejeição... O ódio cresce dentro de cada um e faz com que também cresca a indiferença... Aos poucos nos tornámos insencivéis e gélidos para o mundo lá fora e ainda existe quem não tenha sequer a decência de permitir que sejamos nós mesmo e dentro de todos nós sentimos os esforços de tudo e todos para moldar-nos segundo regras delineares e objectivos concretos que não os nossos... Raiva... Angustia... Ódio... Furia... Apoderam-se de mim neste momento... É incrivel o poder de manipulação e a vontade de mudança das pessoas que me rodeiam... É incrivel que tenha tanta vontade de matar... De vingar-me... Com um dia farei... Um dia, esta sociedade... Este mundo lembrar-se-á do que tem feito durante tantos anos... Durante tanto tempo... A opressão... A FALSA liberdade de expressão... As divergencias sociais... TUDO... Um dia isto tudo virá ao de cima... E quem agora ri-se de "nós" por seremos diferentes, um dia chorará por querer ser igual a nós! Porque quem sobreviver desta batalha, um dia, irá ganhar a guerra!!

2 comments:

Isis Erzsébeth Báthory said...

Querida, realmente de uma batalha se trata, mas não vás por vinganças estupidas, rancores e ódios, pois apenas te farão descer ao nivel dessas pessoas que o mal te tentam fazer, apenas ignora e despreza, e por vezes até isso é demais para eles...
Esta é a batalha/guerra daquilo a que chamamos de vida, e por vezes todos nós desejariamos nunca a ter tido, e por outros momentos, acreditamos que tudo é suficiente para agradecermos o facto de a termos...
Segue o teu caminho e ignora essa gente.
Dark Kiss

My_little_dark_Moon said...

That's life baby...

Agora o que tens de fazer é fazeres a tua própria vida... escolhe o teu caminho